Novo álbum do Silver Talon bem recebido pela crítica

“Decadence and Decay” recebe ótimas críticas da imprensa mundial.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Com pouco mais de um mês após seu lançamento, o álbum “Decadence and Decay”, da banda norte-americana SILVER TALON, de Portland, Oregon, tem recebido inúmeras resenhas positivas, ratificando seu papel de destaque no atual cenário da música pesada estadunidense.  Composto de oito faixas, o álbum apresenta a sonoridade já característica da banda: um Power Metal pesado, agressivo e obscuro, muitas vezes chamado de Dark/Power Metal. É fato que após o lançamento do EP “Becoming A Demon”, de 2018, a banda se consolidou com a entrada dos novos integrantes, formando agora um sexteto com Wyatt Howell (vocal), Bryce VanHoosenSebastian Silva e Devon Miller (guitarras), Walter Hartzell (baixo) e Michael Thompson (bateria).

Esse time, com o suporte da gravadora M-Theory Audio, angariou belas palavras acerca do trabalho, como por exemplo o site Metal Temple, onde o redator destacou a qualidade dos músicos: Cada músico nesta banda brilha em algum momento e quanto mais você ouve, mais você percebe/ouve este álbum. É um disco bem escrito e bem produzido e que tem algo para a maioria dos amantes do Metal. Essa é uma banda que vai ficar na minha coleção e vai fazer com que acabe tocando no meu carro ou no trabalho. Já estou ansioso pelo seu próximo álbum!”. A unidade musical do sexteto também é citada pelo site Ever Metal, que destaca: A seção rítmica entrega uma verdadeira potência, e as linhas vocais assustadoramente poderosas de Wyatt Howell deixam você se sentindo um pouco inquieto, como a trilha sonora de um bom filme de terror que você simplesmente não consegue parar de assistir. Definitivamente um diamante, e um diamante excepcional”,

Ghost Cult Magazine diz que o álbum “´parece feito sob medida para aqueles que sentem o vazio da ausência do Nevermore e não estão dispostos a esperar o que o Sanctuary esteja trabalhando, mas conseguem ser fortes em seus próprios méritos”, relembrando, é claro as influências de Nevermore/Sanctuary que o SILVER TALON carrega desde o início. Já o No Clean Singing, diz que a banda não está reinventando a roda e que provavelmente os fãs já sabem o que esperar, dizendo que é o estilo de composição da banda (juntamente com suas óbvias habilidades artísticas e talentos técnicos) que realmente faz este álbum se destacar da multidão, deixando bem claro o que ele espera da banda para o futuro: “eu realmente espero coisas ainda maiores, melhores e mais bombásticas dessa banda nos anos que virão”.

Por fim, o redator do Angry Metal Guy tem “Decadence and Decay” como um dos seus álbuns favoritos do ano, destacando toda a força que emana do vocalista Wyatt Howell: “O jovem desconhecido Howell tem uma voz impressionante. Comparar seu desempenho de três anos atrás com agora é incrível”. O álbum – que apresenta uma capa impressionante do famoso artista de fantasia Gerald Brom (Doom, Diablo, Magic: The Gathering, World of Warcraft) – conta também com a participação do mítico guitarrista Andy La Rocque (King DiamondDeath) na música “Resistance 2029”.

Assista ao vídeo de “Divine Fury”:

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A CULTURA UNDERGROUND RESPIRA !